Planear o segundo aniversário

Mês 22

Planear o segundo aniversário

Image onda

Na aproximação ao segundo aniversário, é provável que o bebé esteja cada vez mais decidido: sabe cada vez melhor o que quer e o que não quer, mas nem sempre sabe como consegui-lo e pode não o verbalizar da melhor forma. Esta tende a ser, portanto, uma fase de birras, perante as quais é necessária paciência, mas também persistência. Não desista de ensinar o seu filho a fazer pedidos educados e a controlar emoções como a frustração e a irritação.

Dia de festa

Faltam cerca de dois meses para o seu filho fazer dois anos! Esta pode ser uma boa altura para começar a planear, se desejar, a celebração desta data tão importante. Poderá, por exemplo, começar a:

– escolher a data exata da comemoração – talvez o seu filho faça anos a meio da semana e seja mais prático comemorar no sábado seguinte, por exemplo;

– idealizar o sítio/tipo de comemoração (exemplo: um lanche em casa ou um piquenique no campo) – deste modo, poderá, com antecedência, perceber que brinquedos e equipamentos poderão ser necessários;

– pensar na lista de convidados – envolva o bebé neste e noutros pequenos passos da festa, como por exemplo, a escolha do bolo e dos restantes alimentos a servir na festa, que deverão ser o mais saudáveis possível.

wave
Alimento bebé

Incentivar bons comportamentos

Por esta altura, o bebé tem uma noção cada vez maior de “risco”, no entanto deve sempre ser vigiado! Na hora de brincar (e à mesa), o bebé pode começar a experimentar colocar alguns pequenos objetos e alimentos, no nariz ou nos ouvidos. Por isso, vigie-o sempre! Agora que o bebé começa a ter uma necessidade crescente de “aprovação”, é uma excelente oportunidade para incentivar bons comportamentos, elogiando-o sempre que se portar bem e mostrando desagrado quando se portar mal.
wave

Sabia que...

Doenças causadas por vírus, como a gripe e a constipação, por norma, pedem apenas repouso e medicamentos para controlar a febre e as dores – só em situações mais raras, como em caso de infeção bacteriana oportunista, pedem antibióticos. Entenda porquê aqui. Nestas situações, pode aconselhar-se com o seu farmacêutico, um profissional de saúde que poderá esclarecer as suas dúvidas sobre a toma de medicamentos, recomendar alguns cuidados extra e encaminhar para o médico, quando tal se justificar.

 

Sabia que a forma como os medicamentos atuam no organismo varia com a idade? É por isso que é diferente medicar um bebé e um adulto. Explicamos-lhe porquê aqui. Para além dos cuidados a ter com as doses, esta relação de medicamentos e crianças é sempre uma relação delicada.

Border ondulada
Adicione o Barriga & Bebé ao teu dispositivo. x
Clique em , de seguida selecione a opção "Adicionar ao ecrã principal".