Diabetes gestacional

Diabetes gestacional

Image onda

A Diabetes Gestacional (DG), é detetada durante o primeiro trimestre de gravidez e trata-se de um subtipo de hiperglicemia.

Na primeira visita pré-natal todas as grávidas deverão realizar análises sanguíneas para avaliar glicemia plasmática após 8 a 12 horas de jejum.

Quando o valor da glicemia em jejum for igual ou superior a 92 mg/dl (5,1 mmol/l) mas inferior a 126 mg/ dl (7,0 mmol/l) estamos perante um diagnóstico de Diabetes Gestacional. Se o valor for igual ou superior a 126 mg/dl (7,0 mmol/l) estamos perante um diagnóstico de Diabetes Mellitus na Gravidez.

Se o valor da glicemia for inferior a 92 mg/dl, a grávida deve ser reavaliada entre as 24 e 28 semanas de gestação com uma prova de tolerância à glicose oral (PTOG) com 75 g de glicose.

A Diabetes na Gravidez pode refletir uma condição pré-existente, implicando o rastreio mais assertivo de malformações fetais e de complicações microvasculares da diabetes, implica maior necessidade de vigilância e terapêutica farmacológica durante a gravidez e eventual dispensa da reclassificação pós-parto com uma PTOG.

Uma grávida com diabetes deve ser acompanhada numa consulta de obstetrícia, e numa consulta de nutrição.

A terapia nutricional é a primeira opção de tratamento para as gravidas com diabetes. O plano alimentar deve ser personalizado e de acordo com o seu estado nutricional, antecedentes clínicos, hábitos alimentares e sócio-culturais.  

Deve fazer cerca de seis refeições por dia, com intervalos não superiores a três horas – o que permite manter os níveis de açúcar no sangue estáveis. A ceia deve conter hidratos de carbono complexos, de forma a evitar a hipoglicemia noturna e cetose matinal.

Fundamental, não esquecer os minerais (ferro, iodo e cálcio), vitaminas (ácido fólico, vitamina C e vitaminas lipossolúveis) e as fibras solúveis e insolúveis. O valor calórico deverá ter em consideração o IMC prévio à gravidez e o ganho ponderal durante a mesma.

Importante prevenir/eliminar o excesso de açúcar no sangue, evitar alimentos ricos em açúcar (bolos, chocolates, refrigerantes, entre outros).

Na ausência de contraindicações obstétricas, deve ser incentivada a praticar exercício físico leve a moderado.

Sempre que surja alguma questão, deverá esclarecê-la com os seus profissionais de saúde de referência.

Tenha todos os cuidados, e desfrute a gravidez da melhor forma possível!

A farmácia terá sempre a porta aberta para a ajudar.


Border ondulada
Adicione o Barriga & Bebé ao teu dispositivo. x
Clique em , de seguida selecione a opção "Adicionar ao ecrã principal".